11. Livro Atos e Fatos

Apresentando parte do livro:

Atos e Fatos - Poesia para refletir.  Autoria: Nilceia e Capa: Vilmari
Apresentação.

          O livro trata-se de uma forma diferente de escrever poetizando, apresentação de atos e fatos, as poesias escritas com a finalidade de relaxar e auxiliar o leitor a entender-se, podendo servir de auto-ajuda e reflexão aos conceitos cotidianos.
          As palavras suavizam o cotidiano, fazendo com que passemos a entender a vida com outros métodos de pensamento, valorizando cada segundo com mais afinidade, e posicionando Deus na integritude humana, como Superior a quaisquer atos ou fatos.
Índice.
Pensamentos Poéticos
Sinais dos Atos....
Apresentação do Atos......
Primeiro Ato...
Segundo Ato....
Terceiro Ato.....
Quarto Ato............
Quinto Ato.............
Sexto Ato..............
Sétimo Ato.....
Oitavo Ato.....
Nono Ato....
Ultimo Ato....
Apresentação do Fato......
Poesias
Entender..........
A gloriosa Maria...
O universo...........
A flor da velhice...
A humanidade...
Cultivando.....
Pacificação........
Poesia de uma historia de Echaporã....
Por causa.....
O livro.........
Mãe........
Pacificação.......
Esperança........
É Jesus........
Sonolência.............
Contos
Edy.O grande.....
Socorro Brasileiro

Sinais dos Atos


      Talvez esteja chegando à data especial, quem sabe seremos matriz e teremos filial.
      Será preciso encontrar um ideal, ou basta crer em Deus e tudo tornará mais real.
      O mundo continua no mesmo lugar e girando, e os marcianos ainda não chegaram ficamos esperando.
      Cremos em muitos elos que não deveríamos crer, porque seria bem mais fácil pensar e trazer Deus até você.
      O quintal daquela casa é pequeno e sem terra, e a vida sempre a revelar o que nunca se encerra.
      Sou caipira da pequena cidade e sei me comunicar. Ora! Tem gente da cidade grande que sabe apenas criticar.
      Descrevi a fundo remordidos afetos, e transcrevi por entre as folhas todos os protestos.
      Ao longe e em pensamento sem sair nenhum momento, a distância separou mais a alma procurou o sentimento.
       Porque quando houver o silêncio, as respostas aparecem com o tempo.
       Tu amaste como ébrio doente de paixão, e fostes partindo ferindo o seu próprio coração.
       Se não consegue esquecer e faz parte de Você, demonstre que todo amargo tem seu lado doce.
      Os dias estão correndo e o tempo vai-se voando o futuro não aparece o hoje está passando.
      Amanhã é outro dia, a que no instante ao hoje lhe declaro. Porque neste infinito mundo todo dia é dia raro.
       A que diria a correria de provar a perfeição, quisera do ser humano orvalhos de afeição.
       Ser total Ser completamente abestalhada a provar que não há futuro sem vencer a batalha.
       A todo instante os sinais estão aparecendo, somente seus olhos não estão vendo.
       Ouça com os ouvidos do coração. Feche bem os olhos para não iludir a razão.
       Que a face será dada ao lado para a tapa. E com as vindas e idas se ganha às etapas.
       Há crianças morrendo sem envelhecer. E idosos desejando apenas mais um amanhecer.
       Quisera flores amarelas quando daqui resplandecer. E de lágrimas alegres cobriram de terra este ser.
        E a terra geme, avisa que precisa de ajuda. Passamos pelos gritos fingindo não entender.
        Falta água potável, no entanto nada se propõe fazer. Mais em tempo de eleição.
        Chega o político em sua casa e lhe aperta a mão.
       Após ganhar o voto e sua afeição. Quando ganha passa de carrão.
       Esquecendo que foi eleito pelo povão. Estigmatizado pelo poder e ambição.
       Os sinais dos atos vêm acontecendo. E os dias continuam amanhecendo.
       O ser humano está esquecendo-se de unir. Pois somente a fraternidade é capaz de assumir. Que estamos a se destruir.
        E os sinais são sinais dos atos. Abre o coração que é referido os fatos.
       Quando não houver mais nenhuma razão, pegue sua bíblia e encontre-se folheando o coração.
        Sou sinal da vida e da união de meus pais. O céu é sinal da beleza que Deus deixou. Mesmo assim muitos não tem ideais. Viveram por viver, sem se importar com os tais.

PARA CONHECER O LIVRO OU COMPRA-LOS http://www.agbook.com.br/ e escreva gazzola conhecerá meus livros. abraçoos.
O livro possui 64 paginas está sendo vendido NO AGBOOK
CURIOSIDADE:
Egoísmo (ego + ísmo) é o hábito ou a atitude de uma pessoa colocar seus interesses, opiniões, desejos, necessidades em primeiro lugar, em detrimento (ou não) do ambiente e das demais pessoas com que se relaciona. Neste sentido, é o antônimo de altruísmo. Há ainda a ideia de Negoísmo, como estando além dos dois conceitos anteriores.